Entrega dos prêmios aos vencedores foi realizada na sede da Famato em Cuiabá nesta 5ª

As fazendas Seis Amigos, localizada em Tapurah, e Santa Amélia, de Campo Novo do Parecis (a 390 km de Cuiabá), foram as vencedoras da 3ª Edição do Prêmio Sistema Famato em Campo. As propriedades foram reconhecidas pelas soluções ecológicas e sustentáveis no exercício da atividade rural.

A entrega dos prêmios foi realizada no final da tarde desta quinta (9) na sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), em Cuiabá. O reconhecimento é uma iniciativa da Famato, do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT) e Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Seis Amigos

A Fazenda Seis Amigos, finalista na 2ª edição do prêmio, é a primeira do país a construir em suas instalações uma termelétrica para gerar energia. Esse planejamento foi feito por causa dos altos custos que a propriedade estava tendo com energia elétrica, fator que estava quase inviabilizando o negócio.

“A gente estava com uma alta produção de biogás na fazenda sem utilização. Então buscamos uma alternativa e junto com parceiros conseguimos concretizar. Nós usamos a queima desse biogás para gerar calor e esse calor, através do vapor, aciona as turbinas para gerar energia elétrica”, explica Evandro Martimiano, um dos sócios da fazenda e gestor do grupo empresarial.

O projeto custou R$ 7 milhões, tem previsão de R$ 350 mil por mês em geração de energia e o payback (tempo de retorno do investimento) deve ser de quatro ou cinco anos, contando outros custos operacionais.

Presidente da Famato, Normando Corral destaca objetivo de reconhecer referências em MT

Evandro pontua que a ideia inovadora além de ser economicamente importante para o grupo, é sustável e correta para o meio ambiente. “Nós não mexemos em nascente, não queimamos material mineral e não fizemos nenhuma derrubada. Além disso, podemos comercializar o excedente de energia elétrica que nós produzirmos ou gerar crédito junto à concessionária”, argumenta.

A Fazenda Seis Amigos tem cerca de 150 funcionários, uma área total de 1,3 mil hectares e atua na criação de suínos, comercialização de feno e bovinocultura de corte. A propriedade é a segunda maior empregadora do município.

Santa Amélia

O empresário Roberto Luiz Chioquetta, proprietário da Fazenda Santa Amélia, a segunda vencedora do prêmio, diz que somente o fato de estar entre os finalistas já é um grande motivo para comemoração, já que “é o seu trabalho duro que está sendo reconhecido”.

A propriedade rural de Campo Novo do Parecis tem implantado um sistema de captação de água da chuva, que é utilizado, por exemplo, na pulverização dos agrotóxicos. Além disso, o complexo possui uma estação de energia solar que gera 300 kva, o dobro do que a propriedade necessita para funcionar.

Finalistas receberam  troféu e placa de reconhecimento. Vencedores participarão de Missão Técnica promovida pelo Sistema Famato

“Se nós captássemos a energia de um dia normal de sol, poderíamos alimentar todo o planeta por um ano. Então não existe motivo para não utilizar essa matéria prima que é limpa, renovável e que tem baixo de custo de manutenção”, defende Roberto.

Por causa dessas opções ecológicas, a Fazenda Santa Amélia possui o certificado da Associação Internacional de Soja Responsável. A propriedade tem 3,1 hectares próprios e 1,1 mil hectares arrendados. São 22 funcionários que atuam nas culturas de soja, milho, milho de pipoca e girassol.

Prêmio

De acordo com a Famato, os objetivos do prêmio são reconhecer propriedades referência em Mato Grosso, compartilhar experiências, divulgar e reconhecer ideias de sucesso. A cada edição, o prêmio traz um tema diferente. Em 2017, o escolhido é “Inovação” e irá reconhecer fazendas que implantaram com sucesso novas ideias.

As sete finalistas regionais do Prêmio Sistema Famato em Campo foram a Fazenda Perdizes, em Tabaporã (região Noroeste); Fazenda Piraguassu, em Porto Alegre do Norte (região Nordeste); Fazenda Seis Amigos, em Tapurah (região Médio-norte); Fazenda Platina, em Santa Carmen (região Médio-norte); Fazenda Santa Amélia, em Campo Novo do Parecis (região Oeste); Estância Sophia, em Santo Antônio de Leverger (região Centro-sul) e Fazenda Cristalina, em Campo Verde (região Sudeste).

As sete fazendas finalistas receberam um troféu e uma placa de reconhecimento. Dessas propriedades, as vencedoras participarão de uma Missão Técnica promovida pelo Sistema Famato.