Sob a consultoria da artista sorrisense Taís G.Silva, um projeto-piloto está sendo executado para garantir mais segurança no trânsito. Na rua São José, em frente à Secretaria de Obras e Serviços Públicos, foi pintada uma faixa de pedestres em terceira dimensão (3D) com o intuito reduzir o número de acidentes causados pelo excesso de velocidade.

Ao Portal Sorriso, a assessoria da Prefeitura informou que a partir do resultado é que será feito o planejamento de quantas faixas serão feitas e onde serão instaladas. Outros modelos estão sendo estudados também.

A desenhista Taís G.Silva disse que a iniciativa pode despertar o interesse de outros artistas. Ela garantiu que tem outras ideias de pintura em 3D, já apresentadas à Prefeitura, para serem feitas na área verde e em outros locais. A análise será feita pelo Poder Executivo.

A técnica de ilusão de ótica faz o condutor reduzir a velocidade, diminuindo, assim, o número de acidentes de trânsito.

Em Mato Grosso, as faixas, que dão efeito ilusório de barreira, já fazem sucesso em Primavera do Leste, primeiro município do Estado a adotar este recurso.

A iniciativa já foi adotada em vários países com o objetivo de reduzir atropelamentos, como China, Índia, Geórgia e Islândia.

Em 2008, em Filadélfia (EUA), o governo utilizou blocos pintados em 3D para “frear” motoristas apressados.