Agentes penitenciários da unidade prisional de Primavera do Leste (235km a leste de Cuiabá) detiveram um advogado nesta quarta-feira |(24.08) acusado de entregar um aparelho de celular a um preso da cadeia.

A direção da unidade recebeu a denúncia de que um advogado tentaria repassar o aparelho a um detento. Após a audiência com o cliente, no parlatório da cadeia, os agentes revistaram o preso e encontraram um celular e três chips de diferentes operadoras de telefonia.

O advogado foi detido e encaminhado à delegacia da Polícia Civil, assim como a OAB local foi comunicada da ocorrência.

Várzea Grande

No mês de junho, uma advogada foi detida no Centro de Ressocialização do Capão Grande depois de entregar um celular e R$ 500,00 para dois presos que são clientes dela.

A advogada passou o dinheiro e o celular por um vão existente entre a parede e o aparelho de ar condicionado, na sala de audiência.