Um homem e uma criança morreram na noite deste sábado (9) devido a um incêndio provocado em uma casa na Cidade Tiradentes, na Zona Leste da capital paulista. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública, um homem de 31 anos, se enrolou em um colchonete junto com o filho, de 5 anos, e usou combustível para cometer o crime.

Segundo a SSP, a mãe da criança, ex-mulher, deixou o menino com o pai por volta de 12h de sábado. O homem havia combinado de deixar a criança de volta com a mãe às 16h, mas, como não apareceu e não atendeu ao telefone, a mulher decidiu ligar para a polícia.

Ao chegar à casa, a equipe da PM encontrou o imóvel fechado e com luzes apagadas. Após chamarem o homem do lado de fora da casa sem serem atendidos, os policiais decidiram arrombar a porta, momento em que houve uma explosão no local. Dois PMs se feriram e precisaram ser encaminhados ao hospital.

A criança chegou a ser socorrida e foi levada para o Hospital Santa Marcelina, mas não resistiu. O corpo do pai foi achado na garagem envolto no colchonete. Não há informações oficiais sobre o que motivou o homem a cometer o crime.

O Instituto de Criminalística constatou que a explosão que houve dentro da casa quando os PMs entraram no imóvel foi causada pelo uso de combustível. O caso foi registrado no 49º DP como homicídio qualificado, explosão, suicídio e lesão corporal.