Sorriso: polícia não descarta que onda de crimes esteja sob o comando de facção

Jovem detida nesta quarta é suposta parceira de Mariana, integrante do Comando Vermelho

38

Assalto a BancoA Polícia Militar de Sorriso não descarta a possibilidade de que os crimes mais recentes em Sorriso tenham sido arquitetados pelo Comando Vermelho. Conforme já informou, foi detida hoje a jovem Sabrina Cunha Souza, de 19 anos, que já tem ficha criminal, e é suposta parceira de Mariana Reis Moscatelli de Carvalho, que está detida, desde dezembro do ano passado, por chefiar uma organização criminosa.

Em entrevista, o comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar, o major Jorge Almeida, informou que Sabrina alugou recentemente uma casa, localizada na rua Caracas, no bairro Jardim América, onde foi encontrada uma caminhonete Mitsubishi L200, de cor branca, já sem placa, utilizada por uma quadrilha no arrombamento da agência do Banco do Brasil, em Sorriso, no último sábado.

“A polícia não descarta essa a hipótese [de o crime ter sido arquitetado pelo Comando Vermelho]. Ela [Sabrina] falou que não sabe de nada, mas ela tem antecedente criminal e todas as vezes que tem roubo grande, essas daí, tanto ela, quando a Mariana, e outras que não podemos divulgar o nome, dão apoio para essas quadrilhas que vêm de fora”.

Os membros da quadrilha que arrombaram o BB de Sorriso ainda não foram identificados. Mas a polícia acredita estar perto de encontrá-los, já que foi descoberto o apoio que eles supostamente receberam da Sabrina ao ficarem na casa alugada por ela.

O comandante da PM contou como o Serviço de Inteligência chegou à casa que serviu de apoio aos bandidos. “O serviço estava coletando algumas informações para chegar ao pradeiro dos suspeitos. Com algumas informações, que a gente não pode divulgar, chegamos ao paradeiro dessa casa. As guarnições fardadas se deslocaram ao local, sob comando do capitão Inácio, e lá fizeram um cerco e de imediato visualizaram que a caminhonete estava sem placa e adentraram na residência”.

Segundo a PM, a caminhonete usada pelos bandidos foi roubada em Barra do Bugres e usada no arrombamento da agência bancária, onde os ladrões usaram fuzil e pistola 9 mm (de uso restrito) no último sábado.

Roubas e explosivos

Ainda na casa alugada por Sabrina, os militares encontraram diversas roupas que supostamente foram furtadas em uma loja de confecções, localizada na rua Mato Grosso, na região central de Sorriso, na madrugada de ontem (3)..

Seis bananas de dinamite estavam uma caixa de papelão em cima de uma cama.

Sabrina, que já tem ficha criminal por tráfico de drogas, foi encaminhada à delegacia acusada de receptação e por acondicionamento de material explosivo.

“Agora vamos lançar todas essas informações no boletim de ocorrência que está sendo confeccionado e tentar identificar os criminosos que foram ao banco”, informou Jorge Almeida.

Quanto à moto que também foi encontrada na residência, a PM informou que está sendo checado se o veículo foi usado em algum crime.