colheita de sojaOs trabalhos de colheita nas lavouras de soja em Mato Grosso tomaram ritmo na semana que passou e atingiram 11,49% dos 9,396 milhões de hectares semeados no ciclo 2016/2017. O percentual é superior aos 3,69% colhidos nesta época na safra 2015/2016. Assim como a oleaginosa, os trabalhados com o milho também estão acelerados chegando a 4,6% de 4,420 milhões de hectares já plantados.

Os números fazem parte dos acompanhamentos de colheita e plantio divulgados pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Na soja ao se comparar a variação semanal houve um avanço de 6,16 pontos percentuais ante os 5,33% da área colhida até o dia 13 de janeiro.

Segundo o Imea, a região Oeste é a mais adiantada nos trabalhos com 20,43% de 1,113 milhão de hectares colhidos, um avanço de 12,08 pontos percentuais na semana.

A região Médio-Norte também segue acelerada. Até o dia 20 de janeiro, 14,77% de 3,166 milhões de hectares haviam sido colhidos. No Centro-Sul do Estado, onde 700,8 mil hectares foram plantados, a colheita atingiu 10,74% da área.

Na região Norte de Mato Grosso 10,16% de 279,6 mil hectares foram colhidos até a semana passada. Já no Noroeste 9,40% de 609,6 mil hectares e no Sudeste 8,70% de 1,960 milhão de hectares. O Nordeste mato-grossense chegou a 3,37% de 1,566 milhão de hectares.

Plantio milho e algodão

O plantio do milho chegou a 4,6% de seus 4,420 milhões de hectares, um avanço de 2,6% pontos percentuais em comparação a semana anterior. Ao se comparar com a semeadura da safra 2015/2016 verifica-se 3,3 pontos percentuais de avanço.

O Médio-Norte mato-grossense é o mais adiantado na semeadura do milho 2ª safra com 7,5%, seguido do Norte com 4,8% e do Oeste com 4,4%.

Já o algodão atingiu 46,64% dos 600 mil hectares destinados nesta safra, um avanço de 23,51 pontos percentuais na variação semanal. No Sudeste do Estado a semeadura do algodão chegou a 60,51% da área, enquanto no Noroeste 51,59%.