TJ nega mudança de competência de processo de Permínio; HC é julgado

O ex-secretário, Permínio, foi preso em junho pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), do MPE. O mandado de prisão preventiva foi cumprido durante a segunda fase da operação Rêmora, denominada "Locus Delicti"

25
competência de processo de Permínio
Permínio está preso desde o mês de junho.

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso negou a mudança de competência do processo penal contra o ex-secretário de Estado de Educação, Permínio Pinto. Sua defesa buscava mudar para Brasília a condução do processo, tentando tirar o foco de que o ex-secretário responde a um processo na cidade onde ele exercia o cargo de titular da Seduc. Um HC pedindo a liberdade está sendo julgado neste momento pelo TJ-MT.

O ex-secretário, Permínio, foi preso em julho pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), do MPE. O mandado de prisão preventiva foi cumprido durante a segunda fase da Operação Rêmora, denominada “Locus Delicti”, que investiga uma suposta organização criminosa formada por servidores públicos estaduais e empresários do ramo de construção civil, que obtinham lucro através de fraudes às licitações de obras da Seduc.

Mais informações em instantes.