motorista drogadoUm caminhoneiro de Nova Mutum que estava desaparecido desde a última sexta-feira (01) compareceu no final da manhã de hoje (07) na delegacia da Polícia Civil de Lucas do Rio Verde.

Segundo informações repassadas, o homem de 32 anos relatou em depoimento que no dia do suposto sumiço ingeriu bebida alcoólica e usou entorpecentes adquiridos com o dinheiro do frete. Depois de passar o fim de semana sob o efeito de drogas e não tendo mais dinheiro para adquirir, resolveu trocar o caminhão por mais entorpecentes.

Os supostos traficantes abandonaram a carreta carregada com milho no bairro Bandeirantes, levando somente o cavalo mecânico até uma região de mata às margens do Rio Verde, onde retiraram todos os pneus e equipamentos eletrônicos do veículo.

Os objetos, de acordo com o depoimento do motorista teriam sido vendidos a terceiros. Um dos compradores dos pneus foi identificado e encaminhado para a Polícia Judiciária Civil, onde permanece a disposição da justiça.

O motorista que estava desaparecido, na verdade, permaneceu este tempo todo na casa de um dos supostos traficantes. Ele foi ouvido por uma escrivã, sendo liberado em seguida.