EG_cqey6w0fomrfvbaqhaheaasafkd7fink02fwhudkz50x54muO velório do cabo aposentado da Polícia Militar, Ambrósio José da Silva, 57 anos, iniciou, hoje, por volta das 13h, na capela da funerária Dois Irmãos, na sala Orquídeas. Segundo informações de uma funcionaria, o sepultamento ocorrerá, nesta segunda-feira, às 8h, no cemitério do município. Cabo Ambrósio era casado, tinha filhos e netos.

Ele faleceu em um acidente na BR-163 próximo a ponte do rio Arinos, na região de Nova Mutum, sentido Cuiabá, ontem à tarde. O cabo aposentado conduzia uma GM S-10 branca quando se envolveu em uma colisão com um bitrem Iveco Stralis branco, placas de Sorriso. O policial não resistiu aos ferimentos e faleceu no local do acidente.

Um homem que estava como passageiro na caminhonete foi socorrido por uma equipe de resgate da concessionária da rodovia federal e encaminhado a um hospital da região. Segundo informações da assessoria de imprensa da Rota do Oeste, o estado de saúde deste era considerado grave. A identidade dele não foi revelada.

O condutor da carreta assinou um termo de recusa e não foi atendido pela ambulância da concessionária. Segundo informações colhidas no local, ele não se feriu.

A versão que está sendo investigada é a de que o motorista da caminhonete realizou uma manobra para entrar em uma estrada vicinal quando foi violentamente atingido pela carreta. A S-10 foi atingida no lado do motorista e ficou bastante danificada. A frente da carreta também sofreu danos.

O tráfego ficou em meia pista até o fim do trabalho da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e retirada dos veículos do local.

Fonte Só Notícias.